jump to navigation

Conversa de criança! março 21, 2007

Posted by heidi in Dicas,Net e Tutoriais.
trackback

Amei este texto, que acabei de ler neste blog aqui!

O que Lelê vai ser quando crescer?

Ontem foi o maior chato.

É que eu tive que ir numa festa de adulto porque a minha mãe não tinha com quem me deixar. E festa de adulto é o maior chato.

É chato porque não tem outras crianças para brincar, porque a tevê fica desligada, porque não tem videogueime e porque não tem cachorro-quente nem sorvete, só uns pãezinhos pequeninhos com umas gosmas em cima.

Mas o pior é que em festa de adulto eles falam com a gente como se a gente fosse meio abobado.

Por exemplo, quando eu perguntei onde era o banheiro, a dona da casa respondeu: “O banheiro é ali.Você já vai sozinho?”

Depois um cara com cara de velho mas com cabelo bem preto me perguntou: “Quantos anos você tem? Seis ou sete?”

E uma mulher com unha comprida falou: “Sabe que você está a cara da sua mãe?”

Deu vontade de responder: “A cara da minha mãe?! Então eu vou fazer plástica, porque eu sou menino e ela é mulher!”

Para o homem de cabelo preto eu ia dizer: “Eu tenho quase nove, mas um dia vou ter cento e vinte que nem você!”

E para a dona da casa eu ia falar: “Não, não sei ir no banheiro sozinho. Eu uso fralda!”

Pô, adulto não sabe conversar direito!

Mas o pior mesmo é que todo mundo quer saber o que você vai ser quando crescer. Parece que é só o que eles sabem falar: “O que você vai ser quando crescer?”, “O que você vai ser quando crescer?”, “O que você vai blá-blá-blá…”

Teve um casal que chegou perto de mim e aí ela falou assim: “O que você vai ser quando crescer, Leocádio? Acho que você vai ser médico. Aposto que você vai ficar superbem de branco.”

E aí o marido dela disse: “Que nada! Ele vai ser é jogador de futebol.”

“Médico!”

“Jogador de futebol!”

“Médico!!”

“Jogador de futebol!!”

“Médico!!!”

“Jogador de futebol!!!”

E aí eles começaram a brigar e eu saí dali, porque eu sei que não vou ser nenhuma dessas coisas, porque eu sou grosso no futebol e quando eu uso roupa branca eu sempre fico o maior sujo.

Bom, eu ainda não sei o que eu quero ser quando crescer, mas eu já pensei numas coisas:

-eu podia ser palhaço, porque é legal fazer os outros darem risada;

-podia ser astronauta, porque fazer viagens espaciais é bacana;

-podia ser escritor que nem o meu tio, porque ele trabalha em casa e sempre dá uma paradinha para jogar Playstation;

-e podia ser motorista de táxi, porque eles passeiam o dia todo e ainda ganham dinheiro para isso (sem falar que eles devem ser o maior inteligentes, porque sempre sabem a solução para tudo).

Depois eu fiquei pensando que, quando os adultos perguntam o que você vai ser quando crescer, eles querem saber é “em que você vai trabalhar quando crescer.” Mas isso é esquisito, porque a gente não é um trabalho.

Os adultos não querem saber se eu vou querer morar numa praia ou num morro, se eu vou querer ter um monte de filho ou nenhum, se eu vou ser engraçado ou sério, se eu vou querer ler muitos livros ou ver muita tevê, se eu vou ser alegre ou triste, se eu vou ser alto ou baixinho. Eles só querem saber no que que eu vou trabalhar.

Então eles tinham que perguntar “No que você vai trabalhar?”, e não “O que você vai ser?”.

Da próxima vez que um adulto me perguntar o que que eu quero ser quando crescer, eu não vou responder uma profissão, porque eu não quero ser um trabalho, eu quero ser outras coisas também.

Quando eu crescer eu quero ser sabido (que nem motorista de táxi), quero saber fazer piada (que nem palhaço), viajar muito que nem astronauta (pode ser aqui na terra mesmo), e jogar Playstation que nem o meu tio (que nem ele, não, melhor, porque ele é meio ruim).

E também quero ser altão, alegre, morar na praia, ler livro e ver tevê ao mesmo tempo.

Ah, e eu quero ser legal. Mesmo que eu não seja palhaço, astronauta, escritor ou motorista de táxi.

Anúncios

Comentários»

1. Nayara - março 21, 2007

A Silvia me telefonou. Não se preocupe, estamos bem! Eu e as crianças já estamos quase zerados, só falta Beto. Estou achando ele muito ruinzinho,mas tenho certeza que ira melhorar!
Beijos, obrigada pelo amor.Você é uma grande amiga!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: